TEMA

Indústria 4.0

Também conhecida como sendo a Quarta Revolução Industrial, ela é marcada pela inclusão da internet das coisas, inteligência artificial, realidade aumentada, entre outras tecnologias que estão surgindo pelos quatro cantos do mundo. A indústria tradicional percebeu-se em um imenso redemoinho onde fincar os pés seria o mesmo que morrer para o mundo dos negócios.

Se este mundo novo em mutação é aterrorizante para qualquer industriário, imagine para os de países menos desenvolvidos tecnologicamente. O Brasil apresenta ótimas indústrias e empresas de tecnologia, contudo, fica a dever em termos de inovação científica. Grande parte do que surge de novo por aqui provém das multinacionais com base principal em estados estrangeiros. O desenvolvimento nativo ainda é incipiente.

É verdade que estamos bem atrás de países ricos, mas a boa notícia é que, apesar de parecerem extremamente caras e complexas, estas novas tecnologias abrem brechas para pequenos projetos revolucionários, que mesmo sem grande envolvimento financeiro, podem acabar com um nicho inteiro da economia atual. Os exemplos podem ser observados por toda parte.

A agilidade passa a ser de grande importância no processo produtivo e como não temos as grandes indústrias da atualidade, temos a oportunidade de tirar proveito deste momento histórico da evolução industrial através da criatividade e capacidade empreendedora de nossas pequenas e médias empresas. Organismos como o SENAI e o SEBRAE não esmorecem nas atividades de criar novas oportunidades.

Uma característica marcante em praticamente todas as empresas brasileiras é a resistência em gastar volumes mais vultosos com pesquisa e desenvolvimento. Embora criativo e empreendedor, o brasileiro tende a descansar ao receber os bônus do primeiro sucesso, e abandona o futuro. Neste novo mundo dos negócios os produtos tem vida muito menos longa e logo será suplantado por outro proveniente de nova tecnologia.

Resta saber se aproveitaremos mais esta oportunidade histórica para evoluir, e não ficaremos para traz como ocorreu no advento dos motores a vapor, eletricidade, computação e outros.

Autor: Arnold Gonçalves


Redação anterior

Redação anterior

          

Próxima redação

Próxima redação