Desenvolvendo o assunto...

Leia a explanação seguinte e responda a questão para continuarmos desenvolvendo.

Conto, Crônica e Fábula

CONTO: É uma forma narrativa, em prosa, de menor extensão, no sentido estrito de tamanho. Suas principais características são; concisão, precisão, densidade, e unidade de efeito. O conto precisa causar um efeito singular no leitor; muita excitação e emotividade. O conto de ação é o tipo mais comum; tem a predominância da aventura. O conto de personagens tem como objetivo retratar uma personagem. O conto de cenário prioriza o ambiente sobre o enredo e os protagonistas. O conto de ideia é um veículo de doutrinas filosóficas, estéticas e políticas. O conto de efeitos emocionais visa simular uma sensação no leitor, de terror, de pânico, ou de surpresa.

CRÔNICA: É o único gênero literário produzido essencialmente para ser vinculado na imprensa, seja nas páginas de uma revista, seja nas de um jornal. Quer dizer, ela é feita com uma finalidade utilitária e pré-determinada: agradar aos leitores dentro de um espaço sempre igual e com a mesma localização, criando-se assim, no transcurso dos dias ou das semanas, uma familiaridade entre o escritor e aqueles que o lêem. Em regra geral, a crônica é um comentário leve e breve sobre algum fato do cotidiano. Para ser lido enquanto se descansa numa poltrona. O comentário pode ser poético ou irônico, mas o seu motivo, na maioria dos casos, é o fato miúdo: a notícia em quem ninguém prestou atenção, o acontecimento insignificante, a cena corriqueira. Nessas trivialidades, o cronista surpreende a beleza, a comicidade, os aspectos singulares. O tom é o de uma conversa aparentemente banal. A crônica busca o pitoresco ou o irrisório no cotidiano de cada um.

FÁBULA: É uma história ou pequena narrativa em que os animais ou forças da natureza falam e dialogam uns com os outros como se fossem humanos. No final, há sempre uma lição ou moral a retirar. São composições literárias em que os personagens são geralmente animais, forças da natureza ou objetos, que apresentam características humanas, tais como a fala, os costumes, etc. Estas histórias são geralmente feitas para crianças e terminam com um ensinamento moral de caráter instrutivo. É um gênero narrativo que surgiu no oriente, composto por um conjunto de pequenas histórias de caráter moral. Cada animal simboliza algum aspecto ou qualidade do homem como, por exemplo, o leão representa a força; a raposa, a astúcia; a formiga, o trabalho. Quando os personagens são seres inanimados ou objetos, a fábula recebe o nome de apólogo.

Tomando por base as descrições acima, podemos afirmar que "fábula" e "crônica" também são tipos de "contos"?


AGORA é com você! Clique AQUI!
Responda a questão para desenvolver este assunto.