P

L
R O F E S S O R   V I R T U A

HOME PAGE

ESCRITORES
PROFESSOR VIRTUAL
TESTES EDUCATIVOS

JOGOS LITERÁRIOS

SOB ENCOMENDA
SALA DE LEITURA
BUSCA LITERÁRIA
SEBO DA CULTURA

Pergunta: Quero saber mais sobre funções literárias.

Função lúdica – forma de brinquedo, diversão, entretenimento, jogo, despertar de emoções agradáveis, distração, sem qualquer finalidade prática e utilitária.
Função pragmática ou social – é uma função ética, utilitária e prática porque é a função do engajamento, da denúncia, da crítica. É a literatura compromisso – arte como meio de conscientização. Tem como objetivo: convencer, atrair adeptos, ensinar e esclarecer, difundir valores.
Função sinfrônica ou sintonizada: através da literatura restauramos emocionalmente o passado. Nesse sentido, cada leitor é um recriador de emoções.
Função cognitiva: é a função do reconhecimento. A Literatura funciona como elemento revelador da verdade oculta sob as aparências. É também a função da descoberta (cognoscere = conhecer). Esta função está centrada no conteúdo transmitido.
Função catártica ou purificadora: cartase significa alívio de tensões, desabafo. A catarse é purificadora. Essa função tem uma longa tradição. Por Aristóteles, século IV a.C., ela já era apontada na Poética. Tem como objetivo: a compensação, a terapêutica e a transposição da personalidade.
Função perenizadora: literatura é a ânsia de imortalidade, é o desejo de sobreviver ao tempo, perenizar-se, eternizar-se. É o desejo de todo ser humano de extrapolar o limite espaço-temporal. O objetivo desta função da literatura e das artes em geral é o desejo de reconhecimento.
Função profética: na busca de mundos imaginários, o escritor, muitas vezes prediz o futuro com precisão quase absoluta. Não é à toa que chamamos ao poeta Vate que significa "cognato do vaticínio" na predição. previsão do futuro Função de "arte pela arte": (parnasianos) é um fim em si mesma; é o alheamento dos problemas sociais. É a arte literária que existe apenas e tão somente em função da busca da beleza, é o isolamento para um trabalho meticuloso, sem emotividade. Busca da forma perfeita: versos perfeitos, rimas perfeitas, estrofes simétricas, palavras raras.
Função de fuga da realidade, do escapismo ou da evasão: literatura funcionaria como um elemento de evasão do "eu", permitindo-lhe a fuga à realidade concreta que o cerca. Pode ser construtiva ou destrutiva. Gêneros Literários – A palavra gênero significa família, raça, conjunto de seres dotados de características comuns. Em certas obras predominará um gênero sobre o outro, mas nunca haverá a expressão pura de um só gênero. Gênero lírico – A subjetividade lírica é estruturada com idéias, sentimentos, emoções, recordações, desejos, profundos estados de espírito. Podem ser expressos pela musicalidade. No poema lírico não existe protagonistas, como na literatura de ficção. As emoções profundas do poeta, seu "eu", sua visão do mundo (e não o mundo) são o que vale. Os poemas em verso se apresentam sob forma fixa ou forma livre. Ele se caracteriza, fundamentalmente, por se tratar de uma manifestação do eu-lírico do artista, de uma expressão da sua subjetividade, emoções e sentimentos; enfim, manifestação do seu mundo interior. Gênero dramático – As personagens aparecem dotadas de características marcantes, representando realidades humanas concretas. A obra dramática busca acentuar a ação. O diálogo é fundamental. Características gerais do gênero dramático:

Fontes:
www.estudeonline.net

pergunta anterior

Pergunta anterior

          

Próxima pergunta

próxima pergunta