TEMA

Democracia.

Surgida na antiga Grécia, a democracia é conhecida como sendo um governo do povo, pelo povo, para o povo. É a forma de governo usada pela maioria dos países na atualidade. Sendo composta pela divisão do poder em três; legislativo, executivo e judiciário. Os dois primeiros são compostos por elementos escolhidos pelo povo, daí dizer que o povo tem o poder. A célula base para tudo isso é o falado “direitos humanos”, sem eles não há possibilidade de existir um regime democrático, e o avanço da democracia em cada país é decidido pela qualidade dos direitos humanos neles existentes. A forma pela qual o povo demonstra o seu desejo em relação aos seus representantes nos poderes legislativo e executivo é o voto efetuado através da eleição, sem isso, também não haja democracia. Nesta forma de poder a liberdade é chamada por “estado de direito”. O pluralismo democrático é a formação dos mais diversos grupos políticos, baseados em interesses diversos e muitas vezes controversos, desde que não sejam contrários ao poder democrático. A mudança deste regime para outro é quase sempre dramático e violento.

Seria a democracia a forma ideal para ser propagada por todos os países do mundo? Talvez sim, se levarmos em consideração os países com a democracia em estágio mais avançado. Mas muitos questionam a respeito da impossibilidade de todos os países atingirem simultaneamente este alto estágio pelo fato de haver necessidade de um grande grupo de países serem obrigados a permanecer num estado de subjulgação para que outros usufruam dos benefícios econômicos que levam aos sociais. Também temos notícias de diversos países que não seguem a democracia e têm uma população satisfeita com sua situação, aliando isso a muitos países democráticos cuja população encontra-se extremamente insatisfeita, não dá para responder a questão de forma definitiva. É, contudo, inegável que todos gostariam de viver num país com as qualidades democráticas de uma Noruega, Suécia ou Canadá.

E o que dizer da democracia no Brasil? Parece mais um balcão de negócios, uma camara de representação das grandes corporações econômicas. O povo parece participar apenas e tão somente com o voto, que ainda é deturpado porque muitas vezes vota-se em um e elege outro por conta das coligações e dos candidatos fantoches famosos e populares que atraem votos elegendo outros com pouquíssimos votos recebidos. A ausência de esperança de melhora da situação que o povo reflete em sua apatia é preocupante, e alguns grupos anti democráticos aproveitam-se desta situação e começam a lançar suas ideias como solução.

Autor: Arnold Gonçalves


Redação anterior

Redação anterior

          

Próxima redação

Próxima redação

Democracia